Scorp: o que é o aplicativo de vídeo e como funciona?

Fotos do disco "Acústico NYC" (2015) da banda brasiliense de rock Capital Inicial (Foto: Rafael Kent/Divulgação)
Música e teatro são destaques na programação deste fim de semana no DF
12 de agosto de 2017
FOTO DIVULGAÇÃO
Compulsão por compras geralmente é acompanhada de ansiedade e depressão
12 de agosto de 2017
Scorp-Meet se tornou aplicativo mais baixado na Google Play (Foto: Divulgação/Scorp-Meet)

Scorp-Meet se tornou aplicativo mais baixado na Google Play (Foto: Divulgação/Scorp-Meet)

App se tornou o mais baixado para Androids no Brasil e permite gravações de 15 segundos sobre assuntos variados e funciona como ‘fast-food de YouTubers amadores’.

ocê pode até não saber bem o que é, mas provavelmente recebeu alguma solicitação no Facebook para testar o Scorp desde a última sexta-feira (4). Isso porque o aplicativo turco de vídeos se tornou inexplicavelmente o aplicativo mais baixado para aparelhos Android no Brasil, posição em que ficou até a segunda-feira (7) – e entre iPhones o app também se manteve entre os mais populares no mesmo período.

Lançado em fevereiro de 2015, o Scorp nunca tinha ficado entre os 100 aplicativos mais baixados em nenhuma das duas plataformas até a arrancada entre o fim de julho e o começo de agosto. Segundo a Google Play, o app tem mais de 5 milhões de usuários no mundo.

Mas, afinal, o que é o Scorp? E, mais importante, como usá-lo?

Confira abaixo um guia rápido para quem está começando:

Scorp reúne vídeos de 15 segundos sobre assuntos variados (Foto: Reprodução)

Scorp reúne vídeos de 15 segundos sobre assuntos variados (Foto: Reprodução)

No Scorp, os usuários podem gravar vídeos de 15 segundos (chamados de – adivinha – Scorps) sobre uma série de assuntos e receber respostas de outras pessoas. A ideia é debater temas atuais e conhecer gente nova – algo parecido com um “fast-food de YouTubers amadores”, no qual o produtor é vlogueiro, o público também, e todo mundo tem muita opinião e edita em cortes rápidos.

Após instalar o aplicativo, é possível usar a conta do Facebook ou o seu e-mail. Quem escolher se conectar através da rede social de Mark Zuckerberg pode mandar solicitações a seus contatos, mas também pode desabilitar essa opção.

Muita gente na Google Play reclama que o aplicativo mandou solicitações mesmo com a opção desligada, porém no teste realizado pelo G1 isso não aconteceu.

A tela inicial (acima, à esquerda) reúne suas principais funcionalidades. No topo estão alinhadas pessoas aleatórias que o usuário pode chamar para conversar anonimamente caso concorde com a opção. Abaixo delas, está a linha do tempo dividida entre três categorias. Mas entraremos em detalhes em breve.

Para acessar a principal atração do app, é necessário clicar no botão vermelho com o ícone de câmera. O usuário é então levado para a tela do meio, onde deve escolher entre uma lista de tópicos mais populares um assunto para comentar – ou então criar um novo.

Para gravar, basta segurar o botão branco com a câmera vermelha. Há também uma opção para deixar as mãos livres, naquele pequeno relógio no canto superior direito. Os vídeos de 15 segundos no máximo não precisam ser gravados de uma vez. O usuário pode pausar a gravação e continuar em seguida.

Depois de publicado, o vídeo ficará disponível para quem acessar a lista do tópico correspondente, e pode receber respostas em vídeo e comentários.

O Scorp oferece os tópicos mais populares para que seus usuários descubram vídeos de seu interesse (Foto: Reprodução)

O Scorp oferece os tópicos mais populares para que seus usuários descubram vídeos de seu interesse (Foto: Reprodução)

Para acessar os Scorps de outros usuários, basta volta à tela inicial e selecionar a opção “Discover” ou “Descobrir”, naquele pequeno menu na parte inferior, que também oferece a opção de ver suas mensagens, notificações e perfil.

Entre os tópicos mais populares atualmente estão “novo aqui”, como era de se esperar, temas pop como “13 reasons why”, e discussões relevantes como “sexo ou amor?” e “pareço legal mas”.

Os vídeos assistidos no Scorp oferecem uma série de opções de interação (Foto: Reprodução)

Os vídeos assistidos no Scorp oferecem uma série de opções de interação (Foto: Reprodução)

Ao selecionar um tópico, é possível abrir uma série de Scorps com o tema. A tela oferece a opção de seguir o autor do vídeo, curtir a publicação, mandar um vídeo em resposta, compartilhar, reportar como impróprio ou mandar um “presente”.

Os tais presentes são comprados com a moeda existente no app, que pode ser adquirida com a produção de novos Scorps ou com a compra através de, claro, dinheiro de verdade. A ideia é que os seguidores presenteiem seus produtores (os scorpers, óbvio) favoritos.

O Scorp oferece um ranking com os usuários que mais mandaram presentes e aqueles que mais os receberam (Foto: Reprodução)

O Scorp oferece um ranking com os usuários que mais mandaram presentes e aqueles que mais os receberam (Foto: Reprodução)

Tanto que o aplicativo mantém um ranking com os usuários que mais mandaram presentes ao longo da semana e aqueles que mais os receberam. Luxo e ostentação.

O chat do Scorp oferece a opção de conversar anonimamente com outros usuários, desde que eles possam fazer o mesmo com você (Foto: Reprodução)

O chat do Scorp oferece a opção de conversar anonimamente com outros usuários, desde que eles possam fazer o mesmo com você (Foto: Reprodução)

O chat anônimo com pessoas aleatórias só está disponível para aqueles que escolherem. Ou seja, também será possível que outras pessoas falem anonimamente com o usuário. Segundo o Scorp, os mais ativos no app aparecem naquela tela inicial e concordam em receberem mensagens de desconhecidos.

As publicações e os usuários geralmente são limitadas à localização do usuário (ou seja, o Brasil), mas as configurações podem ser alteradas.

FONTE: g1.globo.com